Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

AquaRio sedia VII Oficina do ICMBIO de Avaliação de espécies ameaçadas de extinção

O Aquario Marinho do Rio foi escolhido para ser a sede da VII Oficina de Avaliação do Risco de Extinção, organizado pelo CEPSUL/ICMBio e reuniu os principais especialistas em peixes marinhos brasileiros para discutir o estado de conservação de 82 espécies da nossa costa.

 

 

A etapa é essencial para definir as ameaças sofridas pelas espécies e as pesquisas que serão necessárias para salvá-los. Além disso, a avaliação feita nessas oficinas vai gerar a lista oficial de espécies ameaçadas do Brasil que entrará para a próxima edição do Livro Vermelho do ICMBIO.

Ao ser classificada como ameaçada, a espécie entra em uma rede de proteção. Assim, são desenvolvidas políticas públicas de preservação, como períodos de defesa e áreas onde fica proibida a atividade pesqueira, bem como identifica lacunas do conhecimento onde mais pesquisas são necessárias.

O processo do mapeamento de risco é dividido em algumas etapas. Vai desde a produção de pesquisas, até encontros para a troca de informações. A lista pré-definida passa ainda por avaliação de especialistas independentes, antes de ser publicada pelo ICMBio.

Os especialistas discutiram uma lista com cerca de 80 espécies de mais de  20 famílias, incluindo Sciaenidae (corvina e pescadas), Centropomidae (robalos), Paralichthyidae (linguados), Clupeidae (sardinhas) e Mullidae (trilhas) e Phycidae (abróteas).

O próximo passo será a validação do status de conservação das espécies discutidas. Um novo time de especialistas vai avaliar se os critérios da IUCN foram seguidos corretamente antes de concluir a versão final da lista de espécies ameaçadas para a costa brasileira.

A escolha do AquaRio representa o reconhecimento do nosso aquário como um espaço dedicado não só a visitação, mas também ao ensino e pesquisa científica.

 

Sobre o Grupo Cataratas

 

Somos a principal empresa de ecoturismo do Brasil, responsável pela gestão de visitação de atrativos de natureza e parques nacionais mais importantes do país, como: Parque Nacional do Iguaçu (Cataratas S/A)Parque Nacional da Tijuca (Paineiras Corcovado) e Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha (EcoNoronha). As outras operações são: Aquário Marinho do Rio, BioParque do Rio e Marco das Três Fronteiras.

Somos uma empresa com foco no Impacto Positivo e que busca, entre várias objetivos, levar entretenimento através do turismo sustentável.

 

Não perca as nossas dicas e novidades! Siga a gente nas nossas redes sociais.

Instagram | Facebook

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Talvez você também curta: